ANEDOTAS DIVERSAS

No Restaurante

- Já a chamei três vezes! A menina não tem orelhas?
- pergunta o cliente à empregada.
- Tenho sim, quere-as com feijão ou com ervilhas?

A sogra

Um homem encontra um amigo e diz-lhe:
- Estás cada vez mais parecido com a minha sogra. A única diferença é o bigode!
O amigo responde-lhe;
- Mas eu não tenho bigode!
- Mas a minha sogra tem!

Na farmácia

Diz o farmacêutico para um fornecedor:
- Há mais de 20 anos que vendo estes comprimidos e nunca tive uma única reclamação. Ora isto prova o quê?
Ouve-se uma voz muito sumida:
- Que os mortos não falam!

No manicómio

- Diga-me; por que está aqui?
- Por gostar mais de sapatos do que de botas!
- Mas isso é natural! Eu próprio prefiro os sapatos! - Ah sim? E como gosta mais deles: cozidos ou fritos?

Estratégia de vendas

Vinham três bêbados a discutir que, se fossem primeiros-ministros, qual seria o preço do vinho.
Vira-se o primeiro:
- Eu, se fosse primeiro-ministro, o litro do vinho custava 5 paus!
- Ena, é muito caro! - Responderam os outros.
Vira-se o segundo:
- Eu, se fosse primeiro-ministro, o litro do vinho custava 15 tostões!
- É muito caro! - Responderam os outros.
Vira-se o terceiro:
- Eu, se fosse primeiro-ministro, o litro do vinho custava 5 tostões!
- É pá, porreira!
- Responderam os outros.
E fizeram logo uma festa. Agarraram-se uns aos outros e nisto caíram.
Vira-se o terceiro bêbado:
- Porra, agora que eu estava a gostar deste governo é que ele caiu!...

Farmácia

Um fulano entra numa farmácia, quase à hora de fechar, cheia de clientes de última hora. Esbaforido, nem espera pela vez, e vai dizendo logo da porta:
- Quero uma camisa-de-vénus!
Perante o imediato incómodo das várias senhoras presentes, o farmacêutico decide admoestá-lo:
- O senhor não acha que devia ter cuidado com a língua?
O tipo pensa um bocadinho e responde:
- Epá! Você tem razão. Quero DUAS camisas-de-vénus!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


VOLTAR                                                                                                                                                                                                         COMENTE

 

Produzida por: António Fernando Matos